04 março 2016

Entre o bem e o mal

No último fim de semana, Luquinha queria muito muito muito que eu brincasse com ele de boneco. Eu amo brincar com ele de jogo, jogo da memória, quebra-cabeça, tapa-certo... Mas de boneco realmente não é meu forte. Foi aí que resolvi fazer algo que nos ocupasse bastante tempo e que nõa fosse simplesmente PA POW que nem é normalmente. Inventei que faríamos uma batalha entre o bem e o mal. Esses aí de cima são a turma do BEM, composta basicamente por super-heróis, mas com alguns agregados, como lagartos e monstrinhos. 
Expliquei a ele que isso era coisa de adulto, então todos os personagens crianças teriam que ficar somente na plateia, assistindo... rs Aí ele disse: as crianças e os sete anões. E eu falei: Sim, sim, e o Thor ficará cuidando deles neste período. Alguém tem que fazer o trabalho sujo. kkkkk

Separamos todas as armas que poderiam ser usadas pelos participantes. As bolas serviriam como bombas.

A galerinha do bem...

Contra a galerinha do mal!!!

O Luquinha era responsável por escolher o lutador da vez na galerinha do bem, enquanto eu fiquei responsável pelos atos da galerinha do mal. Quase como acontece no Pokemon, ele escolhia o personagem que lutaria em sua vez e a arma que usaria. E vice-versa. Quem tivesse derrubado todos os seus integrantes primeiro, perderia. 

É claro que o mal não tem vez. O bem ganhou bonito!!! E é claro também que essa foto é antes da batalha. Apesar de ter vencido, o bem teve perdas importantes. rs 

Nenhum comentário:

Postar um comentário