04 janeiro 2016

22 semanas e meia






Luiza está sambando na cara da sociedade

Já sinto Lulu mexer há algumas semanas, desde a 18a mais ou menos. Mas desde que completei 22 semanas consigo vê-la mexendo pela barriga. Além disso, pessoas conseguem sentir de fora. Na verdade, a única pessoa que sentiu, de fato, foi o Luquinha (além de mim). Toda vez que chamo alguém para sentir, ela para de mexer. rs

Anemia na área

Como não podia deixar de ser, minha companheira de todos os anos deu as caras. No último exame pré-natal a médica já identificou e receitou ferro (além do que está presente na vitamina pré-natal). Mas depois de duas semanas eu continuei sentindo o cansaço, que parece ter aumentado. Fui na emergência obstétrica da maternidade que possivelmente Lulu irá nascer, e fiz um exame de sangue. A anemia aumentou um pouco. Confesso que não estava tendo a melhor alimentação desde o primeiro diagnóstico, mas agora estou 100% dedicada a fazer essa anemia melhorar. Mas preciso conversar com minha médica sobre reposição de cálcio porque, provavelmente, vou precisar, já que descobri que laticínios diminuem a absorção do ferro.

Roupinhas e enxoval

Diferente da gravidez do Luquinha, não comprei quase nada para a Luiza dessa vez. Primeiro porque a gente acaba comprando um monte de coisa que não precisa para o primeiro filho. Depois porque demos sorte e estamos ganhando muitas roupinhas das primas novinhas. E também tem o fato de que as coisas mais caras que eu tive que comprar quando engravidei do Luquinha, como carrinho, berço, bebê conforto etc, eu guardei. É hora de colocar em prática tudo o que aprendemos nos últimos anos. :) E aproveitar para entrar na vibe sem consumo que o nosso mundo está precisando.

Carinho do irmão nível 1000%

Luquinha continua um chamego com a irmã. A gente sempre tenta prepará-lo para poucas frustrações depois que ela nascer. Batemos sempre na tecla dizendo que ela vai nascer bebezinha e que vai demorar um pouco para crescer. Que possivelmente ela vai querer brincar com todos os brinquedos dele, mas que tudo bem porque é legal dividir e porque isso, entre outras coisas mais importantes, vai fazer dele o melhor irmão do mundo. A verdade é que ele está super envolvido nisso e todos os dias dá inúmeros beijinhos na Lulu, assim como abraços. Ele faz questão de diferenciar quando o abraço é em mim e quando é nela. É apaixonante!!!

Um comentário:

  1. Como vc conseguiu não comprar quase nada até agora? Se eu soubesse o sexo da Stella na gestação, teria gastado tubos. ahahahaha E acho que por não ter gasto, hoje me controlo.

    No começo, além de mim, só o Benjamin sentia Stella mexer tb. O Luquinha é um lindo e me lembra muito o Ben em suas atitudes. Vai amar ainda mais qd a irmã chegar. A Stella ama o Benjamin de um jeito difícil de explicar como existe isso, aí ele fala assim: ela ama esse irmãozão. ahahahaha

    Nossa, Ju, vc vai ver que louco, Benjamin interage com ela como se fosse um adulto, brinca, fala, canta... e a gente fica só babando. rs

    ResponderExcluir