31 janeiro 2014

we love summer




ps. fotos na piscina da prima Bia, no dia em que ele aprendeu a usar a boinha e mergulhar sozinho!

26 janeiro 2014

O que você faz para ser feliz?

A gente vai pra rua.
Pega praia bem cedo, quando o sol só tem energia boa pra oferecer!
Encontra aqueles amigos que fazem a gente sorrir.
Aprende a mergulhar sozinho E a usar a boinha no mesmo dia.
Recebe notícia boa e fica feliz junto com as pessoas que a gente ama.
Come biscoito de polvilho sem limite.
Assiste filme de criança mesmo quando a criança já dormiu.
Transforma dois dias em uma vida inesquecível!

Tem gente por aí que diz que a felicidade é um conceito utópico. Que pena que eles não sabem... ;)

24 janeiro 2014

Dica de applicativo!


Gente, eu realmente não me lembro se já dei essa dica de aplicativo aqui no site, mas como eu o amo cada vez mais, nem me importo de falar de novo!! :) Juro que não estou ganhando nada para isso, então meu depoimento é REAL!! rs Vocês conhecem o app Tube Downloader? Ele simplesmente transforma em arquivo os vídeos que você quer ver no YouTube! Então, eu, mãe de um lindo menino de dois anos, baixei vários vídeos de desenho! Mickey, Patati Patatá, Tom & Jerry, Peppa e por aí vai... Não preciso de internet, posso usá-los em qualquer lugar, sem precisar carregar ou sem interrupções e O QUE É MELHOR, de graça!!! :)

Na verdade, o app custa U$3,99, mas vá... é uma vez só que se paga, né. Vale a pena rsr

Demais, né? Indico muitissíssimo!!

Se quiser baixar o TUBE DOWNLOADER é só clicar aqui.






03 janeiro 2014

Desfraldado!


Desde maio de 2013, Luquinha não vai mais à creche, mas sim à escolinha. Por ser escolinha, ele não fica período integral, apenas cinco horas por dia. Às vezes pensamos que seria mais prático colocá-lo na creche, mas ele ama tanto aquela escolinha, e nós também gostamos tanto de lá, que nem cogitamos mudar!

Sendo assim, trouxemos toda a responsabilidade para nós: alimentação, chupeta, fralda etc. Não vou dizer que a alimentação é um pesar, mas também não posso dizer que é fácil. Muitas vezes o Luquinha enrola para comer, não almoça ou não janta. Mas já vi casos piores na minha família mesmo, então posso dizer que não é nada tão grave assim.Tirando aquela semana que quase enlouqueci porque ele não queria jantar nem almoçar - eu contei em posts aqui no blog -, não tivemos mais nada parecido.

Por termos trazido a responsabilidade para nós e pelo fato de que muitas vezes quem fica com o Luquinha é minha sogra, porque nós dois estamos trabalhando, decidimos fazer as transições mais pesadas em períodos de férias. Foi assim com a chupeta. Em outubro, quando estávamos de férias nós dois, ao voltarmos de viagem, tiramos a chupeta. Em quatro dias tudo estava resolvido. Acredito que para tirar a chupeta de noite durou cerca de uma semana. E olha que Luquinha era o viciado em chupeta hein!

Agora, no Natal, tivemos nove dias inteirinhos com ele. Sabendo destes nove dias com antecedência, decidimos que seria ali o desfralde. No primeiro dia, cerca de dez cuecas molhadas. No segundo dia, mais ou menos quatro. No terceiro dia nenhuma e assim por diante! Nos últimos 11 dias, ele fez xixi na cueca uma vez! No reveillon. Foi um caso à parte, ele estava brincando com amiguinhas, nós estávamos em outro cômodo, ele não nos procurou e nós não estávamos por perto. Mas só.

Até na piscina e na praia, ele não faz na sunga! Espera sair da piscina para levarmos ele no chuveirinho para fazer. ;) Um fofo!!!

Tivemos sucesso com o xixi! Ele já é um homenzinho!

Com o cocô... Bem... Este é mais difícil. Essa semana ficou dois dias sem fazer e eu tenho certeza que é porque ele não queria se sujar e ainda se recusa a fazer no vaso. Mas estamos tranquilos. Todos os pais de crianças mais velhas com quem conversamos dizem que demora mais mesmo. Estamos dando o tempo dele.

E à noite é um caso à parte. Seguindo dica de uma amiga, só coloco a fralda depois que ele dorme. E acho que funciona. Normalmente, sinto que a fralda vem somente com um xixi, que deve ter sido feito no nível mais profundo de sono dele. Porque de manhã, ele acorda e sempre faz um xixizão no banheiro.

Nosso bebê não é mais bebê. Nós é que insistimos em chamá-lo assim. rs