05 setembro 2013

Inverno, acho que chegou a sua hora

Todos os meses eu fico ansiosa para receber a escala de trabalho do Igor para saber se conseguiremos ir juntos para a casa da minha mãe, que não mora na mesma cidade que a gente! Já estava triste de pensar que não conseguiria ir antes de Outubro, quando houve uma mudança em sua escala do fim de Agosto e pudemos aproveitar o último final de semana com ela e com meu irmão!

Fomos sexta à noite e Luquinha, como aconteceu nas últimas vezes que fomos, acordou de madruga quando chegamos e ficou doido para ficar acordado - mas fomos todos dormir porque estávamos exaustos. E no dia seguinte, com o sol e calor que estava fazendo, acordamos todos animados para ir à praia. Inclusive Luquinha, que AMA demais este programa. Só de falarmos uma vez, ele já começa "paia, paia, paia". Uma fofura!

Então lá fomos nós! Uma delícia! Luquinha mergulhou no mar, brincou na piscina, jogou areia na prancha do dindo Rafa, tocou violão...

Luquinha estava:
A - Passando parafina para pegar umas ondas;
B - Ou enchendo a prancha de areia.

Alguns minutos antes de descobrirmos que meu bebezão estava com febre!

No dia seguinte, todos animados e felizes de novo para pegar uma prainha! Nos arrumamos e quando estávamos no carro já a caminho do nosso destino, sinto Luquinha mais quente. Sempre andamos com a bolsinha de remédio dele, que tem Novalgina, sorinho de nariz, termômetro, entre outras coisas. Tirei a temperatura no carro mesmo e batata! 38,5! Demos meia volta e aí começou a minha saga.

Voltamos para o Rio no mesmo dia, mas no dia seguinte Igor precisou viajar a trabalho para passar a semana fora. A febre ia e voltava, muito, mas muito catarrinho fizeram com que Luquinha não conseguisse dormir, de segunda para terça e de terça para quarta. Eu, ele, ele e eu, dois zumbizinhos. Minha sogra e meu sogro deram uma bolona! Cuidaram dele enquanto eu trabalhava!

Na madrugada de segunda para terça, passei a noite mais cansativa com Luquinha, desde que ele nasceu! Nunca, mesmo enquanto era recém-nascido, tivemos algo parecido! Ele simplesmente não conseguia dormir de tanto que tossia e o catarrinho não deixava que ele respirasse direito. Uma tristeza!

Mas agora parece que a pior parte já passou! Hoje fomos no consultório da sua médica, que nos deu boas notícias. Luquinha está melhorando!! :)

Dra. Márcia é nossa anjinha, que sempre nos atende quando precisamos, sempre tão atenciosa, paciente e essencial! Hoje estivemos em seu consultório para ela examiná-lo! Ele falou sem parar pipipi papapa pepepe Bola, quedo (brinquedo), mamae, mamae, mamae, mamae, auau, popo (helicoptero popopopopopo) rsrsrs 

Uma pena ter acabado o final de semana dessa maneira, mas a parte boa é saber que Luquinha se divertiu demais!!! Às vezes eu penso... Poxa, se não tivéssemos ido à praia no sábado, talvez ele não tivesse ficado tão mal como ficou, ou talvez nem tivesse ficado doente. Mas quando a gripe passa - e só quando ela passa - eu consigo me lembrar do quanto ele se divertiu, do quanto ele estava feliz, do quanto amou aquele programa!

Já temos duas aptidões: futebol e música. :)

Quem finge melhor que toca? Papai ou Luquinha?

Vovó Helena fazendo bagunça com bebeco!

Eu e Rafinha morgando na grama depois do almoço!

2 comentários:

  1. Olá!
    Linda sua família!
    Quem bom que Luquinha está melhor! Coração de mãe fica na mão.
    Tenha uma ótima noite!
    Com carinho

    http://femmedigital.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Linda família venha visitar meu cantinho também bjs...
    http://eu-eascriancas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir