08 agosto 2012

O pai que ele é - Blogagem Coletiva - Mulher e Mãe / Dia dos Pais

Este ano fomos convidados por dois amigos muito queridos, um deles meu compadre, padrinho do meu casamento, para sermos padrinhos do casamento deles (Rafael e Clarissa). E foi com muito orgulho que aceitamos o convite! Mais orgulho ainda tivemos ao sabermos que fomos escolhidos porque somos o exemplo de casal que eles querem ser!

Ok. O que isso tem a ver com "o pai que ele é"? Tudo! Porque eu atribuo grande parte do que somos a todas as características especiais que o Igor tem. Antes de mais nada, é preciso dizer que ele é um filho muito carinhoso, atencioso e preocupado! Liga todos os dias para sua mãe, é sempre muito amoroso, nunca perdeu o respeito com ela, nunca falou mais alto, nunca disse um palavrãozinho sequer com ela! Ele é o filho que toda mãe pediu a Deus! Minha mãe mesmo, vive dizendo: "você tinha que me tratar que nem o Igor trata a mãe dele". rs

Bem, agora que vocês o conhecem como filho, vou explicar como seu perfil "marido" influencia no pai que ele é. O Igor não mente. Ele não procura desculpas para defeitos que possuí. Ele simplesmente os encara com a disposição de mudá-los. Sempre. Ele é tão atencioso, carinhoso e preocupado, quanto é como filho. Presta atenção nos detalhes, me aceita do jeito que eu sou. E quanto aos meus defeitos... entende que vêm com o pacote, e me apresenta forma de corrigí-los, sem as impor para mim.

Ele me faz tão bem, mas tão bem, que eu, independente que sou, não consigo imaginar como seria minha vida sem ele!

O pai que ele é? Ele é o pai que acompanhou cada detalhe da minha gravidez pelo meu blog, pela newsletter do BabyCenter e pelas conversas longas que sempre tivemos em casa sobre como foi o meu dia. Ele é o pai que cuidou da minha dieta minuciosamente, preparando refeições gostosíssimas e saudáveis, principalmente depois que levei bronca da minha GO. Ele é o pai que me levou com ele numa viagem a trabalho de um dia, na qual compramos todo o enxoval do Lucas - com direito a berço, carrinho e car seat - em uma tarde! Carregou tudo comigo, foi e voltou trabalhando, na maior disposição!

Ele é o pai que, quando o Lucas nasceu, segurou ele no colo antes de todos, com lágrimas nos olhos, depois de ter filmado todo o parto com a emoção que nenhum profissional conseguiria passar. É o pai que acordou inúmeras vezes de madrugada para trocar a fralda do Lucas antes dele mamar e ficou acordado para colocá-lo para arrotar depois da mamada. Que trocou inúmeras fraldas, entre uma panela e outra na cozinha, porque via meu cansaço com a amamentação.

Ele é o pai que me apoia nas minhas decisões com o Lucas, sejam elas referentes à alimentação, ao comportamento ou à saúde. Que me diz que NÃO concorda quando não concorda, mas que está sempre aberto à discussão!

Não dá para dizer que eu me surpreendi. Porque ele é EXATAMENTE o pai que eu esperava que ele fosse. E, não à toa foi a primeira junção de sílaba do Luquinha: pa-pa. Como vocês podem ver no vídeo abaixo.

Lindão, eu te amo! E o Lucas também! :)

video

8 comentários:

  1. Aaaah gente!!! Tem coisa faltando dizer aí:

    Ele é o pai que cuidou da minha dieta minuciosamente, preparando refeições gostosíssimas (exceto o fígado que joguei fora)...

    Que me diz que NÃO concorda quando não concorda, mas que está sempre aberto à discussão (exceto sobre lambidas de cachorro)

    E, não à toa foi a primeira junção de sílaba do Luquinha: pa-pa (se eu passasse um dia inteiro falando fe-fe-fe-fe-fe...até o menino surtar, talvez a primeira junção seria outra)

    Mesmo com essas observações, tenho que atestar: Igor Leite é mesmo um paizão. Só deu mole em uma coisa, ne compadre???!!!

    Feliz Dia dos Pais, tchuzinho!
    Bjs, Fe

    ResponderExcluir
  2. Que lindo Ju!!!!
    Vocês formam um casal que se completa, e isso é maravilhoso! Em cada palavra sua podemos perceber o quanto vocês se amam e ajudam.
    Parabéns para o papai, e parabéns por essa mulher e familia maravilhosa que ele tem.
    Beijosss

    ResponderExcluir
  3. Que coisa maravilhosa poder ver o quanto Igor faz você feliz, isso é tudo para uma dinda tão preocupada. Mas cá entre nós, isso era claro né, ele é mesmo um fofo, sempre achamos isso, é o filho que toda mãe gostaria de ter. Agora o Lucas falando PAPAI é o máximooooooooo!!!!!!!!!! Amei. Parabéns a esse meu sobrinho lindão que ele continue o resto da vida esse paizão que é. Beijo grande para essa família que tanto adoro.

    ResponderExcluir
  4. Ai que lindo seu post!!
    Nossos maridos tem muito em comum,
    quando se trata de ser pai, temos que agradecer muito, pois nem todos os pais são assim, somos mães e esposas de sorte, e nossos filhos graças a Deus tem os melhores pais do mundo!!
    Amei seu post mesmooo!!
    Beijos!1

    ResponderExcluir
  5. Ah, que declaração de amor linda que você fez! E pelo que você escreveu, bem merecida! Companheiros são mesmo tudo o que precisamos quando geramos um bebê! Faz toda a diferença! Feliz dia dos Pais!!

    ResponderExcluir
  6. Que texto lindo! Você fez uma bela relação. Se o homem é um bom filho, consequentemente, será um bom marido e assim um bom pai.
    Feliz dia dos pais!!
    Beijos
    @LelisPaula

    ResponderExcluir
  7. Não é todo mundo que encontra seu par perfeito nesta vida amiga! Que privilegio maravilhoso o seu! Que Deus abençoe muito sua família para que este amor fortaleça sempre a relação de vcs. Bjoooo

    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  8. Concordo com a Paula Lelis: se vc quer saber se um homem será bom marido e pai, observe se ele é bom filho.
    Parabéns pela linda família!
    (não tem a ver com o post, mas com o blog: não poderia deixar de comentar que as fotos com a evolução da gravidez ficaram muito bacanas!)
    Beijos
    Marusia
    http://maeperfeita.wordpress.com
    #amigacomenta

    ResponderExcluir